5 dicas para proteger seu domínio e evitar que ele se torne lento

5 dicas para proteger seu domínio e evitar que ele se torne lento

Todo mundo que usa e abusa da internet já passou, uma vez ou outra na vida, por uma vontade súbita de arremessar o notebook na parede. E ouso dizer que, geralmente, é por causa da lentidão de algum site. Acontece que, muitas vezes, não é apenas questão da internet do usuário, e sim algum problema do próprio domínio que estamos tentando acessar!

Resolver este problema pode não ser tão simples, às vezes chega ao ponto que demande um serviço de alguma agência digital profissional do ramo. Mas para evitar que seu site chegue a este ponto e você precise desembolsar dinheiro para resolver tal problema, melhor ainda é se prevenir! Veja nossas dicas para que não corra o risco de travar o seu domínio.

Não deixe o servidor lotado

Analise se o servidor no qual seu domínio está hospedado já não esteja sobrecarregado ou sofrendo ataques cibernéticos.

Hoje em dia, é comum que hackers, para prejudicar empresas concorrentes das suas, orquestrem ataques a servidores de hospedagem. Se o seu servidor é fraco em segurança e sofre ataques recorrentes, aconselhamos que mude para um servidor mais forte e protegido e instale o Cloudflare gratuitamente.

Já em relação à sobrecarga, caso o seu site use muita informação, pode ser que você consiga corrigir o problema de lentidão contratando um maior espaço de dados dentro do seu servidor!

Leia também: CloudFlare: o que é e como configurá-lo em seu site

Identifique incompatibilidade de plugins

Pode ser que você tenha instalado algum plugin que acabe sendo incompatível com seu servidor, e se este for o caso, você precisa estudar ou pedir ajuda de um profissional que possa contornar a situação configurando tal plugin, tornando-o compatível, ou então encontrando outro que possa suprir sua necessidade sem causar lentidão ao servidor.

Evite uma má otimização do site e invista em conteúdo de qualidade

Na hora de criar seu site, pode ser que tenhas escolhido um template muito pesado/carregado, ou até ter criado um fluxo de informações em demasia, muitas vezes desnecessárias, como grande quantidade de fotos, vídeos, post’s antigos e defasados etc. É bom manter seu site/blog sempre atualizado e monitorar a qualidade do seu conteúdo. Utilize ferramentas que ajudem você a monitorar o desempenho de suas palavras e esteja sempre revisando o sistema de cache do seu site.

Leia também: O que você precisa saber antes de contratar um conteudista

Verifique Constantemente o Servidor DNS

Este é o responsável por conectar o IP do acessante do site ao seu domínio, e geralmente é configurado à mão quando há troca de hospedagem, e caso você tenha realizado esta troca e o site anda travando, é muito provável que o problema seja no servidor DNS!

Atualize e monitore o banco de dados

Se utilizas um CMS no seu site, como os feitos em grandes plataformas de templates (WIX, WordPress etc), pode ocorrer alguns erros quando se tenta estabelecer uma conexão com o servidor. Neste caso, é quando o banco de dados do seu site está corrompido, que pode ocorrer por vários motivos, desde ataques hackers até mudança de hospedagem. Para resolver, o melhor a se fazer é ter ajuda de um profissional como os da Santa Agência.

Aqui listamos cinco dicas para proteger seu domínio de lentidão e ataques cibernéticos! Sabemos que um site lento pode dar muita dor de cabeça não só para o seu dono, mas principalmente para quem o acessa. E cá entre nós, a primeira impressão geralmente é a que fica. Esperamos ter ajudado!

Origem da imagem em destaque: upqode